Juma será o ‘homem’ e Jove a ‘mulher’ da relação no remake de Pantanal, diz autor

You are currently viewing Juma será o ‘homem’ e Jove a ‘mulher’ da relação no remake de Pantanal, diz autor
  • Post author:

Mais uma polêmica deve ser tema das discussões que permeiam o remake da Novela Pantanal, exibida pela TV Globo no horário nobre.

PUBLICIDADE

Na última terça-feira, a trama entrou em uma nova fase com a apresentação ao público dos personagens que deverá dar sequencia ao folhetim. No episódio os telespectadores foram apresentados ao ator Jesuíta Barbosa que viverá Jove e a atriz Alanis Guillen como a nova Juma. Os personagens formam o casal principal da novela.

E será o enredo vivenciado pelo casal que deverá ser o centro da polêmica e mexer com a audiência que vem batendo recordes como há muito tempo a emissora carioca não registrava.

Bruno Luperi, escritor do remake e neto de Benedito Ruy Barbosa, o criador da novela da Manchete, revelou que, nesta versão, Jove será como a mulher da relação e Juma o homem.

PUBLICIDADE

“Gosto dela mais bicho e menos mulher. Eu vejo o Jove como um corpo masculino, sem nenhum problema com a sexualidade dele, mas com a essência do que a gente entende que é mulher. Ele é criado por três mulheres no Rio de Janeiro, tem espaço para ser mais sensível, mais empático, tolerante”, disse Luperi.

PUBLICIDADE

A relação do casal ainda será desenhada nos próximos capítulos e esse amor evidenciará uma espécie de modernidade em que os papéis na relação acabam invertidos. “A Juma não tem medo de ser masculinizada, de ocupar um espaço mais forte na relação, enquanto Jove não se incomoda em ocupar o extremo oposto”, pontua o escritor do remake.

Homem-mulher, discrepante do ideal macho-alfa

Em uma cena ainda sem previsão de exibição, Joventino (Jesuíta Barbosa) ouvirá o pai Zé Leôncio chamar sua amada Juma Marruá (Alanis Guillen) de “mulher-homem”. Em resposta ao comentário preconceituoso de seu patriarca, o jovem então o enfrentará e dirá que é um “homem-mulher”.

“Esse casal romântico é desvirtuado do comum. Tem essa mulher com uma força do masculino e esse homem delicado, discrepante do ideal de macho alfa. E eles se atraem talvez por isso. A beleza dessa história é mexer com essa inversão.”, acredita Jesuíta Barbosa, o intérprete de Jove, em depoimento à RevistaGQ.

Alanis Guillen é Juma e Jesuíta é Jove em “Pantanal” da Globo – (Fotos: João Miguel Jr)

Atualizações no remake de Pantanal

Além de enfrentar o pai dessa maneira, Joventino é vegano na nova versão, enquanto Zé Leôncio é criador de gado. Na obra original, o veganismo do personagem não existiu. Trata-se de uma atualização que Luperi quis inserir no devido contexto, para criar conflitos mais contemporâneos entre pai e filho.

PUBLICIDADE

Na versão original, Jove foi interpretado pelo ator Marcos Winter, sendo o único dos três filhos de Zé Leôncio que cresceu na cidade. Na trama de 1990, o rapaz que se envolve com Juma seguia a etiqueta à mesa, falava em linguagem culta, gostava de tirar fotografias, lia e chorava — hábitos contrastantes com os homens do Pantanal da época.

Com medo do cancelamento, a TV Globo alterou a forma como Jove será tratado. Enquanto na Manchete ele sofria ataques homofóbicos e era visto como gay pelo pai e pelos peões, o galã não terá sua sexualidade questionada em 2022.

  • Com informações Midiamax

PUBLICIDADE

Deixe um comentário