Servidores encontram furto de energia no Presídio Masculino de Corumbá

32 vagas para área da saúde nos presídios de campo grande e corumbá
  • Autor do post:
  • Post publicado:23 de fevereiro de 2024

Corumbá (MS)- Uma fábrica de gelo instalada no Estabelecimento Penal Masculino de Corumbá, no bairro Maria Leite, foi descoberta furtando energia elétrica do presídio. O furto foi descoberto pela nova diretoria, que assumiu o comando da unidade no dia 15 de fevereiro, e o caso registrado na delegacia da Polícia Civil, na tarde de quinta-feira (22).

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a informação é de que a fábrica de gelo possuía um ar condicionado de 68.000 btu’s ligado na rede de unidade consumidora do Estabelecimento Penal, com o consumo não sendo registrado pelo medidor da referida empresa.

A ligação clandestina fazia com que a energia do medidor do presídio fosse usada pela fábrica, gerando um prejuízo aos cofres públicos.

O caso foi registrado como furto qualificado com abuso de confiança, ou mediante fraude, ou escalada e destreza, conforme o artigo 155, parágrafo 4º, inciso II, do Código Penal. O comunicante solicitou a perícia no local que comprovou a existência da ligação clandestina.

Conforme apurado pela reportagem do Folha MS, a Polícia Civil deve iniciar investigação para apurar desde quando a irregularidade estaria funcionando no local e ainda, se teve anuência de algum servidor, já que o desvio foi verificado rapidamente em menos de uma semana após a troca do comando na unidade.

O caso já foi notificado a Agepen e a atividade da empresa no local suspensa.

Participe da lista VIP do WhatsApp do  FOLHA MS e receba as principais notícias no seu celular