MSGÁS repassa R$ 480 mil de incentivos fiscais para projetos sociais, culturais e assistenciais

Você está visualizando atualmente MSGÁS repassa R$ 480 mil de incentivos fiscais para projetos sociais, culturais e assistenciais
  • Autor do post:
  • Post publicado:29 de dezembro de 2023

A MSGÁS concluiu o repasse de R$ 480 mil para seis entidades que tiveram projetos selecionados pelo programa de apoio às ações sociais, culturais, esportivas e assistenciais desenvolvido com aporte financeiro de incentivos fiscais. Com esse valor, a Companhia chega ao total de R$ 2 milhões destinados à promoção e desenvolvimento de projetos na comunidade desde 2020.

Entre os projetos estão o Lar do Idoso e produção de filme sobre Manoel de Barros, um dos maiores ícones da literatura brasileira, importante referência cultural de MS. A Cia. Dançurbana, em atividade há 20 anos, comemora o fato de ter seu segundo projeto selecionado e destaca a importância do apoio financeiro, o que vai permitir seguir ampliando e possibilitando a democratização do acesso aos bens culturais.

Neste ano, foram contemplados projetos da Associação Cultural Dançurbana (R$ 100 mil), Obras Sociais Francisco Thiesen (R$ 110 mil), Polo MS Cinema e Vídeo (R$ 110 mil), Sirpha Lar do Idoso (R$ 80 MIL) e Associação dos Amigos da Criança com Câncer – AACC (R$ 40 mil) e Lar do Idoso Peniel (R$ 40 mil).

ribeirinhos
Projetos atendem população ribeirinha

“A finalidade do programa é apoiar projetos de alcance social, marcando o compromisso da Companhia com o desenvolvimento humano”, iniciativa que já permitiu a destinação de e recursos oriundos do imposto devido pela empresa que, graças à Lei do Incentivo Fiscal, pode ser aplicado em ações de inclusão social, valorização da vida, assistência à criança, idosos e às pessoas com deficiência, as atividades culturais, esportivas e de proteção ao meio ambiente.

Desde o início do programa, em 2020, a empresa publica Edital de Chamada, com regras, critérios e condições de acesso para que o maior número de entidades e instituições possam participar. Neste ano, por conta do alcance, houve recorde de propostas, quatro vezes a média de 30 projetos cadastrados nos anos anteriores.

A participação expressiva foi “uma grata surpresa”, segundo o diretor-presidente da Companhia, Rui Pires dos Santos, atribuindo o grande interesse à forma como a empresa conduziu as etapas de preparação da

Chamada Pública, com ampla divulgação e total transparência e, sobretudo, pelos resultados que o programa obteve nas fases anteriores. “É muito importante o incentivo fiscal, pois permite que uma parcela do imposto gerado pelos negócios da companhia seja aplicada aqui mesmo, dentro do Estado”.

“A possibilidade de ajudarmos a viabilizar projetos na área de atuação da empresa, reforçam e valorizam ainda mais o nosso compromisso socioambiental. É um suporte financeiro que contribui e pode ser decisivo para alcançar a população atendida pelas ações de promoção e assistência”.

A seleção de projetos sociais leva em conta quatro princípios: relevância para a missão da Companhia e para o Estado, acesso democrático, transparência do processo de escolha e acompanhamento que permita o cumprimento dos objetivos de cada ação.

“Nosso desejo é que as ações sociais cresçam e a consciência cidadã se torne mais presente na vida das pessoas. A MSGÁs tem esse objetivo como uma de suas missões, é uma forma de retribuir a confiança que nos é dada como concessionária de um serviço essencial, o que fortalece a presença da companhia na comunidade e seu papel solidário e engajamento nas campanhas de prevenção e combate ao câncer, apoio ao idoso e à criança e a reabilitação da pessoa com deficiência.

Comunicação da MSGÁS
Fotos: Divulgação/MSGÁS