Bombeiros reforçam equipes em Porto Esperança e na Manga; fogo avança em direção as comunidades

You are currently viewing Bombeiros reforçam equipes em Porto Esperança e na Manga; fogo avança em direção as comunidades

Duas equipes de militares do Corpo de Bombeiros que atuam junto a Operação Hefesto, foram deslocadas para região de Porto Esperança e Porto da Manga, neste domingo (12), para conter o avanço das chamas que se aproximam das duas comunidades.

De acordo com informações o pedido de ajuda chegou ao comando da operação devido à proximidade do fogo das comunidades. Em Porto Esperança, até o fechamento do relatório, indicava que as chamas já se encontravam apenas seis quilômetros de distância.

PUBLICIDADE

O mesmo ocorre na região de Porto da Manga. Para cada uma das localidades foram deslocadas duas guarnições com o objetivo de proteger as moradias e a população que vive nesta região.

Equipes atuam no combate às queimadas em várias frentes no Pantanal

O domingo foi de muito trabalho por parte das equipes que realizaram combate ao fogo em diversas regiões do Pantanal. Segundo as informações do relatório diário da Operação Hefesto, foram realizadas as seguintes ações:

  • Foi realizado no primeiro horário da manhã sobrevoo da região do Morro do Urucum para reconhecimento de um foco de calor, primeiro registro, tendo área total aproximada de 7,34 km², fogo confirmado pelo sobrevoo, verificada inviabilidade de ataques aéreos, deslocada uma guarnição para combate no local.
  • Foi realizado sobrevoo para reconhecimento, identificação da existência e possíveis causas, foco aproximadamente a 150 km a leste de Corumbá, fogo confirmado pelo sobrevoo, sendo identificado extensa área atingida pelo fogo, com área total aproximada de 37,2 km².
  • Foi realizado sobrevoo para reconhecimento, identificação da existência e possíveis causas, foco aproximadamente a 190 km a sudeste de Corumbá, no limite da divisa territorial de município com Aquidauana, tendo área total aproximada de 81,2 km².
  • Foi realizado sobrevoo para reconhecimento, identificação da existência e possíveis causas, foco aproximadamente a 80 km a leste da Serra do Amolar, tendo área total aproximada de 15,1 km², fogo confirmado pelo sobrevoo.
  • Seguiram os combates aos focos de calor na região da Nhecolândia, nos arredores da Fazenda Santa Otília, chegando às proximidades do porto da manga, tendo área total de 189,9 km², foi realizado sobrevoo para reconhecimento e combate aéreo com água, realizados 03 ataques;