Condutor sem CNH que causou acidente com duas mortes em Corumbá ganha liberdade

Você está visualizando atualmente Condutor sem CNH que causou acidente com duas mortes em Corumbá ganha liberdade
  • Autor do post:
  • Post publicado:22 de janeiro de 2024

Corumbá (MS)- O jovem de 19 anos, que dirigia o Hyundai HB20 envolvido no acidente de trânsito que matou duas pessoas no centro de Corumbá, obteve liberdade provisória no fim da tarde desta segunda-feira (22).

Ele foi indiciado por homicídio culposo no trânsito agravado por não ter CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e não ter prestado socorro às vítimas.

Na decisão que concedeu a liberdade provisória, o juiz da 1ª Vara Criminal de Corumbá, Idail de Toni Filho, considerou que o acusado é pobre e a aplicação de fiança inviabilizaria o seu direito à liberdade provisória.

Ele também entendeu não haver elementos suficientes para justificar a prisão preventiva, pois, segundo entendimento, há necessidade de investigação mais aprofundada para delimitar as condutas do investigado.

O juiz impôs algumas medidas cautelares ao acusado, como a proibição de mudar de endereço sem comunicar à Justiça, e a obrigação de comparecer a todos os atos do processo. Ele responde por homicídio culposo no trânsito, que prevê pena de dois a quatro anos de detenção.

O acidente deixou o total de sete pessoas feridas. Três continuam em estado grave, uma delas internada na Santa Casa de Campo Grande e outras duas no CTI da Santa Casa de Corumbá.

morte jovem acidente
Casal de namorados morreram em decorrência do acidente

A polícia Civil indiciou o motorista do veículo que colidiu contra o carro onde estavam as vítimas. Segundo informações o rapaz de 19 anos que conduzia o veículo não possuía CNH e deixou do local sem prestar socorro às vítimas.

Ele acabou preso ainda no domingo, após procurar atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento com uma lesão no joelho, também provocada na colisão.

Na colisão, Paulo Victor Rosa Camposano, de 19 anos, faleceu no local do acidente. Jeniffer Ketty Mendes Garcia, de 21 anos, teve morte cerebral confirmana na tarde desta segunda-feira (22), após ter sido transferida para Santa Casa de Campo Grande, a jovem, que era namorada de Paulo, também não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Participe da lista VIP do WhatsApp do  FOLHA MS e receba as principais notícias no seu celular