Pantanal vivenciou pior mês de novembro das últimas décadas

Você está visualizando atualmente Pantanal vivenciou pior mês de novembro das últimas décadas
Foto:Joédson Alves/Agência Brasil
  • Autor do post:
  • Post publicado:2 de dezembro de 2023

O Pantanal viveu em novembro o pior mês de fogo de sua história para o período. Segundo o Inpe, o bioma teve 4.134 focos de calor, um número quase dez vezes maior que a média histórica de 442. O fogo foi causado por queimadas que podem ter iniciado intencionalmente e por uma onda de calor e tempo seco que chegou a 43 °C. Os estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul decretaram emergência pelos incêndios.

O Pantanal não costuma ter muito fogo em novembro, mas neste ano o cenário foi diferente.

O recorde anterior de focos de calor em novembro era de 2002, com 2.328. No ano passado, o bioma teve apenas 201 focos, menos da metade da média histórica. O pior mês de queimadas do Pantanal foi setembro de 2020, com 8.106 focos de calor.

Publicidade

99 pantanal

As queimadas no Pantanal afetaram a fauna e a flora do bioma, sendo considerado um patrimônio natural da humanidade.

Muitos animais morreram ou ficaram feridos pelo fogo, como onças, jacarés, araras e tuiuiús. A vegetação também foi devastada, reduzindo a biodiversidade e todo ecossistema.

As imagens mostram a dimensão do fogo no Pantanal e o trabalho dos bombeiros e voluntários para combater as chamas. As fotos revelam a destruição da paisagem, o sofrimento dos animais e a coragem dos que lutam para salvar o bioma.