Paciente tem pênis amputado e processa hospital por erro médico

Você está visualizando atualmente Paciente tem pênis amputado e processa hospital por erro médico
Imagem ilustrativa
  • Autor do post:
  • Post publicado:3 de março de 2023

Um homem de 60 anos teve o pênis amputado sem necessidade após ser erroneamente diagnosticado com um tumor. O caso foi registrado no Hospital San Donato, na Itália, e foi parar na Justiça.

A cirurgia foi realizada em novembro de 2018, pouco mais de um mês após o paciente ser diagnosticado com o suposto câncer.

“Depois de uma visita ao médico, ele foi encaminhado a um urologista. Depois de uma análise inicial, foi decidido que ele precisava ser operado urgentemente”, afirmou o advogado da vítima ao site Arezzo News.

Em uma análise posterior do órgão, porém, especialistas constataram que o homem não tinha qualquer tumor, mas sofria de sífilis, uma infecção que pode ser tratada com medicação.

A defesa alega que além de passar meses com um catéter, o homem não pode mais ter relações sexuais e nem consegue fazer xixi de pé. Ele processou o hospital e pediu uma indenização, que não teve valor divulgado até o momento.

O médico, que tinha 30 anos quando fez a cirurgia, deve prestar o primeiro depoimento na quinta-feira (9) em Arezzo, na Toscana.

Participe da lista VIP do WhatsApp do  FOLHA MS e receba as principais notícias no seu celular