Paulo Duarte denuncia plantio de soja na região do Pantanal

You are currently viewing Paulo Duarte denuncia plantio de soja na região do Pantanal
  • Post author:

Com base em imagens de satélite, o deputado Paulo Duarte (PSB) denunciou na tribuna, na sessão ordinária desta terça-feira (7), a plantação de soja em terras pantaneiras. O parlamentar falou da importância em construir uma legislação que proteja o bioma sul-mato-grossense.

PUBLICIDADE

“Recebi provas que identificam o plantio de soja em duas áreas contíguas de 288 hectares em Aquidauana e outra de 317 hectares em Coxim. Podem ser áreas pequenas diante da imensidão do bioma, mas não podemos transformar o nosso Pantanal em mais uma fronteira agrícola, uma vez que temos regiões vocacionais para o plantio de soja no Estado”, destacou.

De acordo com o deputado, as áreas constam no Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) do Estado de Mato Grosso do Sul, com a recomendação de não se instalar empreendimentos que prejudiquem o bioma.

“Recomendar não é imposição. Já levei a preocupação aos setores ambientais do Governo do Estado. É necessária uma legislação urgente para regulamentar o plantio de soja e proteger o Pantanal. Devemos evitar que aconteça com o Pantanal o que ocorreu com o Rio Taquari, consequência de uma agricultura desenfreada e descontrolada”, afirmou.

O Pantanal é a maior área úmida do planeta. No Mato Grosso do Sul, ocupa cerca de 25% do território. Em relação aos limites do bioma, a porção no Estado representa 26% de área no planalto da Bacia do Alto Paraguai (BAP) e 11% das planícies do Pantanal. 

PUBLICIDADE

“As chuvas estão mais escassas. Não temos mais o mesmo período de cheia, que geralmente está no pico no mês de junho. A questão é gravíssima, pois o Pantanal é sensível. Não podemos varrer essa denúncia para debaixo do tapete, pois assim que começa um desastre ambiental. Vamos lutar para entregar o meio ambiente preservado para as futuras gerações”, disse Duarte.

PUBLICIDADE