Adolescente de 16 anos pode ser primeiro caso de Hepatite aguda “Misteriosa” em MS

You are currently viewing Adolescente de 16 anos pode ser primeiro caso de Hepatite aguda “Misteriosa” em MS
  • Post author:

De acordo com o Ministério da Saúde, uma adolescente, de 16 anos, foi confirmada como o primeiro caso provável de Hepatite Aguda, em Ponta Porã (MS).

PUBLICIDADE

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou que a paciente apresentou sintomas como febre, icterícia, mal-estar e náuseas, no dia 5 de abril de 2022. A causa da doença ainda é desconhecida.

Foram realizados exames para hepatites A, B, C, D e E, além de testes para dengue, zika, chikungunya e febre amarela, todos com resultados negativos. A adolescente não é portadora de doenças metabólicas e exames de ultrassonografia descartaram causas obstrutivas.

A família pediu que a menor fosse retirada do hospital e fosse para a casa, se recuperar, sendo monitorada pela Vigilância em Saúde e de Assistência deste município e do Estado.

Ainda conforme a SES, o caso ainda está em investigação quanto à causa, pois depende do resultado de outros exames em andamento.

PUBLICIDADE

Caso na fronteira

Na quarta-feira (25), o Ligado Na Notícia informou que a fronteira Brasil e Paraguai, em Ponta Porã e Pedro Juan Caballero, havia confirmado o primeiro caso de Hepatite ‘misteriosa’.

O paciente é uma criança que estava internada no HR (Hospital Regional), porém, por decisão da família, que é paraguaia, foi levada para uma unidade hospitalar no país vizinho.

A criança era acompanhada pelos médicos do Brasil, e a causa determinante da doença não foi encontrada e, por isso, os pais decidiram buscar atendimento em Pedro Juan Caballero.

O momento é de alerta para as autoridades de saúde de Mato Grosso do Sul. Naquele mesmo dia, bebê de apenas um ano, que residia em Dourados, e estava internado no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, em Campo Grande, faleceu sob a suspeita da doença.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE