Em nota, Santa Casa nega agressões contra ex-funcionária

You are currently viewing Em nota, Santa Casa nega agressões contra ex-funcionária
Unidade recebeu a maior parte dos recursos destinado ao combate da pandemia
  • Post author:

Corumbá (MS)- A direção administrativa da Santa Casa de Corumbá, emitiu uma nota de esclarecimento em que nega as acusações de agressão, denunciada por uma ex-funcionária da instituição.

O caso teria ocorrido na última sexta-feira (10), quando a mulher de 31 anos, teria se dirigido até o setor financeiro e de recursos humanos da Santa Casa para esclarecer os motivos do não pagamento dos vencimentos relacionados ao seu salário.

PUBLICIDADE

Lá, segundo consta em boletim de ocorrência registrado na 1ª DP de Corumbá, teria sido orientada a buscar informações na administração da unidade onde segundo ela, teria ocorrido as agressões.

A Santa Casa confirmou que está reduzindo o seu quadro de colaboradores em virtude da diminuição de casos relacionados a covid-19 no município.

PUBLICIDADE

A instituição, no entanto, nega que teria ocorrido as agressões mencionadas pela ex-funcionária e ainda destaca que teria sido ela, quem teria se apresentado de forma alterada, agressiva e ofendendo aos servidores que estariam trabalhando no momento do ocorrido.

Os fatos, segundo a nota, deverão ser levados a conhecimento judicial para adoção das medidas legais que julgam ser necessárias ao caso.

Confira a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Associação Beneficente de Corumbá – Santa Casa, diante dos últimos fatos noticiados sobre suposta agressão a ex-colaboradora, vem a público informar:

  1. A referida colaboradora ainda está em processamento dos efeitos de demissão, portanto, ainda passará pelo Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), visto que os exames retornaram na data de hoje, 13/09/2021, e que somente após isso estará efetivamente concretizado o desligamento da Instituição;
  2. A Santa Casa de Corumbá está reduzindo o quantitativo de pessoal, sobretudo, em virtude da redução do número de pacientes internados pela COVID-19;
  3. A redução dos custos operacionais da Instituição é medida urgente que se impõe de maneira indiscutível, visto que, atualmente o setor COVID-19 possui apenas 02 pacientes internados;
  4. O dimensionamento da equipe de enfermagem é feito pela Direção de Enfermagem, sendo este o setor habilitado para designar a quantidade de profissionais necessários ao desempenhar das funções, por ser iniciativa meramente técnica;
  5. A Colaboradora apresentou-se na Instituição de maneira agressiva, alterada e ofendendo funcionário do hospital, fato presenciado por inúmeros colaboradores da Instituição, o que estará sendo encaminhado à Delegacia de Polícia;
  6. A Colaboradora em questão e os demais colaboradores que passam por desligamento, após o término do processo de demissão, de acordo com o estabelecido na CLT, receberá todos os valores oriundos de sua rescisão;
  7. Portanto, de maneira enfática, ressaltamos que NÃO corresponde com a realidade qualquer ato de desrespeito ou agressão por parte da Direção da instituição, fato que será levado ao Poder Judiciário, visto ser informação caluniosa e difamatória;
  8. Assim, as medidas adotadas pela Santa Casa, de contenção de gastos, inclusive, são urgentes e estão acontecendo por imperativo técnico, buscando sempre reafirmar o compromisso de prover a melhor assistência médico-hospitalar a toda população, com os recursos disponíveis, respeitando funcionários, pacientes e sobretudo, a população.

ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE DE CORUMBÁ

Direção Administrativa

PUBLICIDADE