Segundo dia de desfile é liberado pela Liesco; cinco agremiações se apresentarão na General Rondon

A Liesco (Liga Independente das Escolas de Samba de Corumbá), já deu a largada, às 20h42, para o início do desfile das escolas de samba de Corumbá. Neste último dia, mais cinco agremiações irão passar pela Avenida General Rondon, diante do público e dos jurados.

A primeira a se apresentar será o Grêmio Recreativo Escola de Samba Estação Primeira do Pantanal, que contará em seu desfile a trajetória profissional da bailarina Ana Paula Honório.

Logo em seguida, desfilam o GRES Marquês de Sapucaí, GRES Vila Mamona, atual campeã do Carnaval, GRES Imperatriz Corumbaense e finalizando o desfile oficial, o GRES Império do Morro.

O tempo de desfile para cada escola de samba será de no mínimo 55 minutos, e máximo de 75  minutos.

Para este ano além dos jurados que são da cidade de São Paulo, a avaliação das agremiações será também, por meio do uso da tecnologia, com o “fiscal virtual”, câmeras que percorrerão a Passarela do Samba na hora dos desfiles, capturando imagens que podem auxiliar o trabalho dos fiscais no item “obrigatoriedades”, ou o “artigo 26” do regulamento.

Outra novidade é com relação a uniformidade dos calçados dos integrantes das alas, onde até o Carnaval passado, a uniformidade do calçamento era uma questão de critério de julgamento do quesito Fantasia, e esse ano passa a ser atribuição dos fiscais de pista, já que estarão mais próximos, conseguindo acompanhar com mais clareza se este item das obrigatoriedades está sendo cumprido ou não pelas agremiações durante os desfiles.

A Liesco também retoma uma tradição dos desfiles de Corumbá, a Ala das Baianas volta a ser quesito, e, assim, como os outros quesitos, vale nota, de 8 a 10, podendo ser fracionada em décimos.

 

Comentários