Prefeito faz balanço e anuncia mais obras para a parte alta da cidade

Balanço foi apresentado em reunião com moradores do bairro Jardim dos Estados nesta segunda-feira (9) / Foto: Renê Márcio Carneiro
Balanço foi apresentado em reunião com moradores do bairro Jardim dos Estados nesta segunda-feira (9) / Foto: Renê Márcio Carneiro

Corumbá já respira carnaval. A festa será aberta na quarta-feira, 11, com a descida do bloco Sandálias de Frei Mariano, o primeiro a passar pela Passarela do Samba que, durante sete noites, será palco da melhor e maior folia de Momo do centro oeste brasileiro, com direito a desfiles de escolas de samba, blocos oficiais, blocos independentes (entre eles o Cibalena), cordões, palhaços, pastorinhas, marinheiros, shows populares, entre outros atrativos.

Mas, Corumbá não é apenas carnaval. As obras e programas em benefício da população continuam normalmente. E foram estes serviços que levaram o prefeito Paulo Duarte a se reunir na noite de ontem com a comunidade do Jardim dos Estados. O encontro aconteceu na sede do Centro de Convivência dos Idosos e foi considerado bastante proveitoso pelo prefeito.

“É a continuidade de um trabalho que estamos realizando desde o início da nossa administração. É uma forma de conversar com os moradores, prestar contas de tudo que já foi feito, do que estamos fazendo e o que ainda iremos fazer. No Jardim dos Estados não foi diferente e vamos fazer o mesmo em outras regiões da cidade”, explicou.

Somente na região do Jardim dos Estados a Prefeitura está investindo na implantação do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), que será inaugurado no final de março ou início de abril; climatização da Escola Ângela Maria Perez e do Centro de Educação Infantil Maria Benvinda Rabello, além da implantação de rede de drenagem que será seguida de pavimentação.

“Uma parte da Rua Pará já foi pavimentada. A outra parte, que passa em frente à escola, vai ser logo após a conclusão da drenagem, uma obra importante para evitar inundações, que muitos não gostam de fazer por ficar debaixo da terra. Já estamos realizando este serviço e logo após, vamos pavimentar não só a Rua Pará, como outras do bairro”, revelou para, em seguida, lembrar que em pouco mais de dois anos, “estamos resolvendo um problema que afeta os moradores já há quase 20 anos”.

A execução da drenagem e do asfalto foi explicada com detalhes pelo secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, engenheiro Gerson da Costa Melo, que acompanhou o prefeito juntamente com subsecretário de Assistência Social e Cidadania, Nilo Corrêa; da assessora especial Jô Simão; do chefe de Gabinete João Bosco da Silva e Souza, entre outros.

No encontro o prefeito fez também um balanço das obras realizadas na cidade, tais como climatização de 60% das escolas da Rede Municipal de Ensino (a meta é fechar 100% neste semestre); entrega de três unidades básicas de saúde (Ernesto Sassida – Dom Bosco, Dr. Humberto Pereira – Nossa Senhora de Fátima e Luís Fragelli – Universitário); a entrega da Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas, o novo pronto socorro da cidade inaugurado já funcionando com equipamentos, médicos, enfermeiros e toda uma equipe, em janeiro.

Citou os dois Centros de Educação Infantil entregues nos últimos dois anos, um na Nova Corumbá e o segundo no Vitória Régia; a construção de um outro Centro de Educação Infantil no Bairro Guató; a reforma e ampliação da Escola Monte Azul, no Assentamento Taquaral; a reforma e ampliação da Unidade de Saúde do Taquaral; a construção de uma nova Unidade Básica de Saúde no Guató.

Outros serviços foram o recapeamento de 67 quadras na cidade, com destaque para a Cyríaco Félix de Toledo, cortando os bairros Popular Nova, Jardim dos Estados, Guarani, Kadwéus e Guanã; drenagem no Guarani e no Cravo Vermelho (obras que serão seguidas de asfalto e que vão resolver de vez os problemas de inundações nestas duas regiões).

Outro serviço citado pelo prefeito foi em relação ao setor habitacional. “A parte alta da cidade está crescendo. Aqui mesmo, no Jardim dos Estados, estamos construindo 200 unidades habitacionais para atender famílias de baixa renda. No Guató são mais 840 e o importante é que tudo está sendo feito de forma a atender a população com toda infraestrutura necessária, drenagem, asfalto, áreas de lazer, unidades de saúde, creches, bem diferente do conjunto que o antigo Governo do Estado fez perto do Maria Leite que, agora, estamos em entendimentos com o novo governador (Reinaldo Azambuja) e sua equipe, para resolver o problema”.

E além dos dois residenciais, Paulo informou que a Prefeitura já foi autorizada pela Caixa para concluir o residencial existente no anel viário (Bairro Guató), também para atender famílias de baixa renda.

E habitação foi um dos temas debatidos. Moradores que ainda não realizaram o sonho da casa própria e que já estão cadastrados há anos. Duarte orientou estas pessoas a atualizar os dados, por meio do recadastramento que acontece na sede da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico (Fuphan). Explicou ainda que quem não é cadastrado, deve fazer a inscrição para participar do processo de seleção que passará inclusive pela Caixa Econômica Federal.

O resultado do encontro foi considerado positivo também pela presidente da Associação de Moradores do Jardim dos Estados, Miriam Silva e Silva. “A praça que será entregue agora, é tudo aquilo que a gente havia sonhado”, disse, lembrando a ação que aconteceu no sábado. Disse estar confiante e que “a Prefeitura tem nos apoiado em tudo aquilo que a gente tem solicitado”.

Comentários