Concurso de marchinhas e “esquenta” movimentaram a noite de domingo

Concurso de Marchinhas e "esquenta" movimentaram a noite de Domingo no Porto Geral
Concurso de Marchinhas e “esquenta” movimentaram a noite de Domingo no Porto Geral / Foto: Renê Carneiro

Corumbá (MS)- O público lotou o Porto Geral na noite desse domingo para acompanhar a final do Concurso de Marchinhas Carnavalescas e o ‘Esquenta Corumbá’ abrilhantado pela Escola de Samba Império do Morro. Foi mais um evento realizado pela Prefeitura, sob coordenação da Fundação de Cultura, como parte do Carnaval Cultural 2015, reconhecido como a melhor e maior folia do centro oeste brasileiro.

O grande destaque da noite foi Rodolpho Nascimento. Participando pela primeira vez ele conquistou as duas primeiras posições no Concurso de Marchinhas que começou sábado, 31 de janeiro, e teve a grande final na noite de ontem, no Porto Geral de Corumbá.

Este ano o concurso teve participação de 14 marchinhas inscritas. Após seleção, 12 concorreram a fase classificatória e seis se classificaram para a final de domingo, onde foram avaliados pelos jurados nos seguintes quesitos: letra, música, criatividade e interpretação.

Em terceiro lugar ficou a marchinha “O zap zap da minha sogra”, interpretada por Kris Simões. Em segundo ficou a marchinha “O carnaval chegou”, e em primeiro, “A vizinha fofoqueira”, composições e interpretações de Rodolpho Nascimento.

Ele ficou surpreso com a conquista. “É a primeira vez que participo do concurso. Foi uma surpresa muito grande. Já tenho algumas composições, mas nunca tinha feito uma marchinha. Gostei do resultado ainda mais porque o público também gostou”, disse Rodolpho que agradeceu a oportunidade dada pela Prefeitura não só a ele, mas “ao povo corumbaense para mostrar todo o seu talento”.

Para o diretor-presidente em exercício da Fundação de Cultura, José Antônio Garcia, o Tanabi, o concurso deste ano foi um sucesso, não só pelas composições e ionterpretações, mas também pela presença do público.

“Foi um sucesso com certeza. Conseguimos perceber isso pela presença do público. As marchinhas deste ano são de ótima qualidade e a grandiosidade disso é o crescimento do interesse da população. Mostrou novos talentos, novas oportunidade”, disse.

Para o prefeito Paulo Duarte, o evento foi uma confirmação da decisão da Prefeitura em manter a programação e não cancelar o carnaval como ocorreu em outras cidades do estado.

“Quando se discutia sobre o fato de cancelar o carnaval em algumas cidades de Mato Grosso do Sul, mantive a minha decisão de realizar o evento. Corumbá é a única cidade que tem tradição no Carnaval. E o Concurso de Marchinhas é a prova disso. Isso acabou em muitas cidades e aqui continua viva, e com um diferencial, participação popular. Então não podemos negar: carnaval de verdade, com tradição, com cultura e arte, é aqui em Corumbá”, celebrou.

Paulo lembrou que a mudança do local do evento faz parte do projeto de levar a cultura a todos os pontos da cidade. “Primeiro a utilização do espaço, que é um espaço bonito. Segundo é a questão de diversificar o local, dano assim a oportunidade das pessoas conhecerem vários pontos turísticos de Corumbá. Fizemos esta festa no Porto Geral que recebeu um grande público que veio para prestigiar o concurso, o esquenta do carnaval e as apresentações das escolas de samba”.

A noite foi encerrada com o ‘Esquenta Coorumbá’. Nesse domingo, quem brilhou foi a Escola de Samba Império do Morro. No próximo domingo, 08 de fevereiro, no último ‘Esquenta’, será a vez da A Pesada se apresentar.

Relacionadas

Comentários

Mais lidas

Sorry. No data so far.